Revistes Catalanes amb Accés Obert (RACO)

El uso del Google Earth en el análisis de cambios en la morfologia de la red hidrográfica: Casos de municipios costeros brasileños.

Leandro Godoi Pinton, Vinicius Travalini, Cenira Maria Lupinacci da Cunha

Resum


In Brazil, an intense urban occupation at the coastal areas have been increased the environmental impacts, especially those related to changes in layout and dynamic of the drainage network. Thus, this article aimed to evaluate the drainage network morphological changes of Cubatão and Bertioga urban areas (SP – Brazil), from an comparative data analysis of traditional aerophotogrammetric materials and those obtained in Google Earth. Thus, it was created an urban area drainage network map of those cities, from 1962 scenario, using aerial photographs stereoscopes pairs. This map was compared with a group of high resolution satellite images, from 2010 scenario, obtained in Google Earth. These procedures have allowed to evaluate the morphological changes in fluvial channels, which are linked with the neighborhoods and industries constructions at the oldest settled region in Brazil.
-------------
O uso do Google Earth na análise de mudanças na morfologia da rede hidrográfica: Casos de municípios litorâneos brasileiros.
No Brasil, a intensa ocupação urbana nas áreas litorâneas tem dinamizado os impactos ambientais, com destaque para aqueles relacionados a alterações de traçado e dinâmica da rede hidrográfica. Assim, o presente trabalho teve como objetivo avaliar as mudanças morfológicas na rede hidrográfica da área urbana dos municípios de Cubatão e Bertioga (SP-Brasil), a partir da análise comparativa de dados advindos de produtos aerofotogramétricos tradicionais e aqueles obtidos com o Google Earth. Dessa forma, foi elaborada a carta da rede hidrográfica da área urbana desses municípios do cenário de 1962, através do uso de pares estereoscópicos de fotografias aéreas. Esta carta foi comparada a um conjunto de imagens de satélite de alta resolução do Google Earth do cenário de 2010. Estes procedimentos possibilitaram avaliar as mudanças na morfologia dos canais fluviais, as quais se vinculam ao estabelecimento de bairros e indústrias na região de mais antiga ocupação no Brasil.

Text complet: HTML