Revistes Catalanes amb Accés Obert (RACO)

Habitação em São Paulo e financiamento externo

Sylvia Ammar Forato, Wagner Costa Ribeiro

Resum


O processo de urbanização da cidade de São Paulo ocorreu de maneira acelerada, produzindo efeitos perversos. O crescimento em ritmo intenso a transformou em uma das maiores cidades do mundo, com intensa exclusão social e territorial. Convivem com a pobreza as conquistas do desenvolvimento técnico e científico acessível a poucos. Em São Paulo a exclusão social e territorial tem diferentes expressões nos assentamentos habitacionais. Essa realidade é visível em áreas degradadas onde se situam favelas, povoadas por uma população excluída do acesso aos serviços urbanos. A recuperação de parte dessas áreas degradadas está em curso por meio da Secretaria Municipal da Habitação e Desenvolvimento Urbano – SEHAB e conta com recursos externos do Banco Interamericano de Desenvolvimento - BID, que condiciona o financiamento à execução de medidas de tratamento e controle ambiental. Esse trabalho analisa a formação de São Paulo e as ações desenvolvidas pelo poder público municipal nos últimos anos, destacando a participação do BID.

Text complet: HTML