Revistes Catalanes amb Accés Obert (RACO)

A questão da moradia para além de quatro paredes e o mundo do trabalho para além do chão da fábrica em Presidente Prudente/Brasil

Fernanda Keiko Ikuta, Antonio Thomaz Júnior

Resum


É impossível pensar o problema da moradia popular sem discutir, imbricadamente, as relações sociais de produção. O morar, como uma das funções reprodutivas sociais, não deixa de estar subordinado aos imperativos da expansão do capital. É neste sentido, que nos remetemos ao processo de apropriação capitalista da práxis social, que implica a constituição de um "modo de ser", capitalista, que extrapola as relações de trabalho e inscreve-se na vida do ser social.As metamorfoses hodiernas no processo de acumulação do capital conformam novas formas de objetivação e subjetivação, novas representações dos seres sociais em todas as suas dimensões, tanto dentro como fora do trabalho.

Text complet: Text complet