Revistes Catalanes amb Accés Obert (RACO)

Especulando sobre a fragmentação da forma urbana: dinâmicas do crescimento urbano e a paisagem hidrográfica

Otávio Martins Peres, Maurício Couto Polidori

Resum


A partir de uma aproximação teórica entre urbanismo e ecologia, o trabalho especula sobre a
formação de morfologias urbanas fragmentadas, decorrentes da dinâmica do crescimento urbano
diante das irregularidades da paisagem natural. A cidade, enquanto fenômeno em constate produção
espacial, diante das resistências da paisagem definida pelos recursos hídricos, é capaz de alternar
formas em que ocorre o crescimento urbano, configurando alternâncias entre movimentos de
compactação e fragmentação. Em termos da ecologia urbana, esta dinâmica morfológica está
associada a mecanismos de auto-organização e resiliência urbana, capaz de manter a produção
espacial urbana simultaneamente, o que indica uma articulação à paisagem natural. Contudo, a
cidade fragmentada não invalida a tendência natural da concentração urbana, e para que de fato
ocorra, a cidade policêntrica articulada à paisagem natural demanda ações para induzir a
manutenção da devida intensidade nas relações sócio-espaciais, simultaneamente enquanto são
preservados os locais de interesse do ambiente natural.

Text complet: Text complet