Revistes Catalanes amb Accés Obert (RACO)

A nova forma de mediação da cartografia no ciberespaço notas sobre o projeto post urbano

Tânia Seneme do Canto

Resum


O surgimento da Web 2.0 e o desenvolvimento de programas de mapeamento associados a ela, como o Google Maps, permitiu que pessoas comuns, isto é, não cartógrafos, se apropriassem das novas tecnologias para criarem seus próprios mapas. A partir disso, uma infinidade de aplicações construídas através da combinação de produtos cartográficos profissionais e conteúdos produzidos pelos próprios usuários passaram a circular na web, oferecendo-nos outras visões de espaço e fazendo emergir novas relações com ele. Denominado Post Urbano, o projeto que apresentamos aqui é um exemplo de mapeamento virtual que utiliza tais recursos e nos mostra as novas possibilidades adquiridas pela cartografia no ciberespaço.

Text complet: HTML